Carnaval começa com 23 praias poluídas no Litoral Norte

Ilhabela continua em estado de atenção; Caraguá, São Sebastião e Ubatuba melhoraram seus índices

0
157
Ilhabela continua com o pior índice de balneabilidade da região (Foto: Nova Imprensa)
- Publicidade -

Relatório divulgado esta semana pela Cetesb mostra que das 97 praias monitoradas no Litoral Norte 23 praias estão impróprias para banho.

Ilhabela continua em situação alarmante, com 12 das 19 praias com bandeira vermelha. Em São Sebastião, são 30 praias analisadas e seis apresentaram balneabilidade ruim.

- Publicidade -

Já em Ubatuba, das 33 analisadas, três estão com bandeira vermelha enquanto Caraguatatuba tem duas impróprias.

A praia é considerada poluída quando há alto índice de coliformes termotolerantes (antigamente denominados coliformes fecais) identificados no local.

A coleta foi realizada entre os dias 27 de janeiro a 24 de fevereiro.

Segundo a Cetesb, rios e mares contaminados por esgoto doméstico, ao atingirem as águas das praias podem expor os banhistas a bactérias, vírus e protozoários.

Crianças e idosos, ou pessoas com baixa resistência, são as mais suscetíveis a desenvolver doenças ou infecções após terem nadado em águas contaminadas.

A doença mais comum associada à água poluída por esgoto é a gastroenterite. Ela ocorre numa grande variedade de formas e pode apresentar um ou mais dos seguintes sintomas: enjôo, vômitos, dores de estômago, diarréia, dor de cabeça e febre.

Outras doenças menos graves incluem infecções de olhos, ouvidos, nariz e garganta. Em locais muito contaminados os banhistas podem estar expostos a doenças mais graves, como disenteria, hepatite A, cólera e febre tifóide.

Praias impróprias 

Ilhabela
Armação, Sino, Siriúba, Viana, Itaguaçu, Itaquanduba, Perequê, Ilha das Cabras, Portinho, Julião, Feiticeira e Veloso.

Ubatuba
Perequê Mirim, dois pontos do Itaguá.

São Sebastião
São Francisco, Arrastão, Pontal da Cruz, Deserta, Porto Grande e Preta do Norte.

Caraguatatuba
Prainha e Indaiá.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui