Vigilância Sanitária interdita restaurante por falta de higiene em Boiçucanga

Estabelecimento utilizava ainda água de poço irregular e tinha fezes de animais no estoque

0
239
Alimentos poderiam causar danos, diz Vigilância (Foto: PMSS/ Divulgação)

A Vigilância Sanitária de São Sebastião interditou um restaurante em Boiçucanga, na Costa Sul do município, por falta de condições de higiene e que utilizava um poço de água de forma irregular, sem outorga do Departamento de Águas e Energia Elétrica (DAEE) de São Paulo. A ação ocorreu na manhã desta quinta-feira (31), mas o nome do estabelecimento não foi divulgado pela Prefeitura.

- Publicidade -

Durante a vistoria os fiscais recolheram e inutilizaram cerca de 250 kg de alimentos, perecíveis e congelados, estocados de forma irregular, fora do padrão de qualidade. Os fiscais ainda avaliaram um espaço reservado para doces no restaurante, onde foi encontrado no estoque caixas de leite condensado e creme de leite vencidos, sujeira no estoque, inclusive, fezes de animais.

De acordo com a diretora de Vigilância em Saúde, Fernanda Paluri, havia sujeira e desorganização. “Foram encontrados alimentos no freezer e nas geladeiras do estabelecimento, em potes reaproveitados, além de frutos do mar preparados e congelados sem data, sem identificação. Encontramos também um azeite fracionado em garrafa de cerveja, e legumes que não tinham condições de serem consumidos podendo causar sérios danos à saúde, principalmente crianças”, acrescentou.

Segundo Paluri, para reabrir, o estabelecimento precisa resolver as irregularidades e passar por uma nova inspeção dos agentes da Vigilância Sanitária.

A Vigilância Sanitária alerta que a qualquer suspeita de irregularidade, pode ser denunciada diretamente ao setor, de forma anônima, através do telefone (12) 3891-3411.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui