Três são presos por morte de bartender em briga no Pub Ilhabela

Vítima teria sido agredida e jogada da escada do bar por causa de ciúmes
A agressão aconteceu em uma casa noturna (Foto: Facebook/ Divulgação)

Três homens foram presos acusados da morte de um bartender, funcionário do hotel DPNY, durante uma briga no Pub Ilhabela, na Vila, no último sábado (15). Segundo testemunhas, a vítima, de 30 anos, foi agredida e jogada de uma escada dentro do bar após uma confusão por causa de ciúmes. 

O delegado titular de Ilhabela, José Vinciprova, conta que a vítima, o baiano José Rodrigues Conceição de Jesus, teria tentado beijar uma moça casada no lounge do bar. O marido teria visto e "foi para cima". Ele começou a agressão e foi retirado pelos seguranças, mas seus amigos teriam continuado a bater nele.

Segundo apurado pela polícia, ele teria caído durante uma confusão generalizada, quando os amigos do marido entraram na briga e enquanto os seguranças o retiravam do bar. No chão, a vítima teria sido agredida aos chutes na cabeça e genital pelos suspeitos identificados e detidos. Levado ao hospital o bartender não resistiu aos ferimentos e morreu. 

A Polícia Civil pediu a prisão temporária dos envolvidos para que possa ser dado andamento nas investigações, saber a participação de cada um e localizar mais possíveis testemunhas. Os três acusados foram levados para Delegacia de Caraguatatuba.

Compartilhe no Google+
    Comente com o Blogger
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário