Procon alerta sobre compra de peixes na Semana Santa

Especilaista dá dicas para avaliar o armazenamento e qualidade dos pescados
Consumo de pescados aumenta na Semana Santa (Foto: Divulgação)

Com a proximidade da Páscoa, comemorada este ano no dia 1° de abril, o Procon de São Sebastião alerta aos consumidores que não abrem mão de degustar um bom peixe na Semana Santa sobre alguns cuidados que devem ser tomados na compra dos alimentos.

Segundo o coordenador do Procon, Andre Batelochi, assim como os ovos de chocolate, muitos consumidores optam por comer peixe próximo à Páscoa. Antes de comprar, é preciso observar alguns itens: peixes frescos devem estar conservados em gelo e a higiene e o armazenamento são itens importantes. No supermercado, devem estar em balcão frigorífico; na feira, é necessário ter gelo picado por cima, estar exposto em balcão de aço inox inclinado e protegido do sol e de insetos, além de ser obrigatório que o feirante use luvas descartáveis.

No caso do peixe congelado, vendido em embalagens, o balcão onde estiver armazenado não pode estar superlotado. “Isso impede a circulação do ar frio e compromete a qualidade”, avisou Batelochi, que comentou também sobre o peixe mais procurado na Páscoa, o bacalhau. “Procure conhecer a procedência. Uma boa pesquisa de preços e tipos de qualidades pode levar a uma compra mais acertada. Não adquira se ele estiver com manchas avermelhadas ou pintas pretas no dorso, sinais que indicam a presença de bolor ou deterioração”, alertou.


Compartilhe no Google+
    Comente com o Blogger
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário