Polícia Civil estoura casa de prostituição em Caraguatatuba

Drogas e dinheiro também foram encontrados no estabelecimento
Produtos encontrados dentro da casa (Fotos: Divulgação/Polícia Civil)

Policiais civis de Caraguatatuba estouraram na noite de quinta-feira (15) uma casa de prostituição que funcionava na Praia das Palmeiras, na região sul da cidade. No momento da abordagem havia três pessoas no local, sendo uma delas presa por ser foragido da Justiça. 

A ação policial ocorreu após o recebimento de denúncia anônima e depois de campana nas imediações, um dos investigadores foi à casa, localizada à Rua das Palmeiras e foi recepcionada por uma das ocupantes.

Outra mulher se encontrava no local e elas contaram que faziam programa e levaram os policiais até Leonardo Reny dos Santos, 33 anos, que se apresentou como segurança, mas depois confirmou ser o proprietário do estabelecimento que funcionava em uma casa descaracterizada a menos de duas quadras de uma escola.
    
Santos foi preso porque ao pesquisar ficha criminal foi constatado que era procurado por tráfico de drogas em São José dos Campos e deveria cumprir regime inicial fechado pena 9 anos. As mulheres foram ouvidas e liberadas em seguida. 

Dentro do estabelecimento, os policias ainda localizaram porções de maconha, R$ 160 em espécie, máquina de cartão de débito e crédito, além de 140 preservativos e aparelhos eletrônicos e celulares. 

Também havia anotações de registrados de encontros agendados pelas redes sociais, inclusive com valores e descrições.

Foi registrado flagrante de Dignidade Sexual (Art. 213 a 234) e Casa de Prostituição (Art 229) com base no Código Penal. 

Compartilhe no Google+
    Comente com o Blogger
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário