Bailarinas de Ubatuba buscam patrocínio para competir em Portugal

O grupo da Oficina de Dança da Fundart precisa arrecadar R$ 120 mil para custear a viagem, que deve acontecer em abril
Oficina da Fundart promove projetos há 23 anos (Foto: Fundart/ Divulgação)

As bailarinas da Oficina de Dança da Fundação de Arte e Cultura de Ubatuba (Fundart) terão a chance de se apresentar no Festival Norte Dance, considerado o mais antigo festival de dança e um dos maiores de Portugal. Após classificação no Festival de Salto, em 2017, as bailarinas precisam agora arrecadar um montante de R$120 mil para realizar o sonho de se apresentarem em solo Europeu (transporte, hospedagem e alimentação das 24 bailarinas selecionadas). 

Os interessados em apadrinhar essa iniciativa devem procurar a Diretoria Executiva da Fundart ou a comissão de mães do Ballet envolvidas no projeto da viagem. O evento acontece entre os dias 13 e 15 de abril.

A Oficina de Dança foi indicada para representar Ubatuba com três coreografias, que conquistaram o primeiro lugar no festival, sendo elas: Inspiration – Conjunto Neo-Clássico Juvenil, Encantando – Conjunto Clássico Livre – Juvenil e Ma Chérie … Fantastique! – Conjunto Estilo Livre Juvenil. O evento reuniu cerca de 50 grupos totalizando 300 coreografias inscritas.

Outras conquistas

A Oficina de Dança Fundart, ministrada pela professora Alessandra Penha, vem ao longo dos seus 23 anos de existência acumulando uma trajetória de muito sucesso e reconhecimento, sendo premiada em todos os festivais pelo qual passou e sempre divulgando positivamente o nome de Ubatuba. Além disso, são inúmeros os bailarinos que iniciaram, ainda crianças, seus estudos no universo da dança junto à Fundart e atualmente são bailarinos contratados em grandes companhias de dança no Brasil e exterior.

Financiamento coletivo

A Oficina aderiu ao “financiamento coletivo” – uma iniciativa da comissão de mães envolvidas no projeto viagem. Interessados em contribuir devem acessar o link: https://www.vakinha.com.br/vaquinha/projeto-porto-portugal

Compartilhe no Google+
    Comente com o Blogger
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário