Litoral Norte tem queda de 55,56% nos casos de óbito por afogamento

Segundo os bombeiros marítimos, o isolamento social gerado pela pandemia da Covid-19 contribuiu para o cenário

0
53
litoral norte
Foram 707 resgates neste verão no Litoral Norte (Foto: Gbmar/ Divulgação)
- Publicidade -

A temporada de verão 2020/2021 teve uma redução de 55,56% no número de óbitos por afogamento nas quatro cidades do Litoral Norte, em relação ao ano anterior. Os dados foram divulgados pelo Grupamento de Bombeiros Marítimos (Gbmar). Segundo a equipe, o isolamento social gerado pela pandemia da Covid-19 contribuiu para o cenário.

- Publicidade -

Na avaliação do comandante do Gbmar no Litoral Norte, capitão João Batista Rapaci, os número indicam que foi uma temporada atípica, já que a pandemia diminuiu a incidência de banhistas no mar. “Diante desses dados, vamos fazer um estudo mais aprofundado para saber onde teve mais ocorrências de salvamento, como foi cada situação, o que provocou a situação. No caso dos óbitos, se teve algum fator determinante que pode ser melhorado nas próximas temporadas”, adianta.

Mortes

São Sebastião responde pelo maior número de casos de mortes no Litoral Norte, com três dos quatro registros. Na temporada 2019/2020 foram nove casos de óbitos por afogamento.

Dos casos registrados nesta temporadas, dois ocorreram em fevereiro, sendo um jovem de 25 anos em São Sebastião e uma senhora de 71 anos, em Caraguatatuba.

O rapaz, identificado como Alexsandro, estava com amigos na praia da Baleia, na Costa Sul de São Sebastião e entraram na água. Os turistas contaram que saíram da água e, na areia, perceberam a demora do jovem para retornar e começaram a procurar por ele.
A vítima foi encontrada boiando, chegou a ser socorrida ao Pronto Socorro de Boiçucanga, mas não resistiu.

Já a senhora era moradora de Guarulhos e estava em Caraguatatuba para visitar uma amiga. Segundo informações do Gbmar, as duas entraram no mar para nadar juntas. A moradora sinalizou à amiga que iria sair da água e a turista disse que ficaria mais um pouco e iria mais para o fundo. Ela foi encontrada desacordada e em parada cardiorrespiratória por outros banhistas e socorrida pelo guarda-vidas. O Samu foi acionado, mas o médico atestou o óbito no local.

Resgates no Litoral Norte

Os dados mostram também que houve um aumento de 13,85% no total de pessoas resgatadas com vidas nas praias da região. Foram 707 resgates neste ano contra 621 no mesmo período da temporada de 2019/2020.

A maior incidência foi em Ubatuba com 377 resgates, grande parte na Praia Grande, uma das mais frequentadas por banhistas. São Sebastião teve 275 casos e Caraguatatuba 55.

- Publicidade -

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui