Desmatamento acaba em R$ 27 mil em multa em condomínio de Ubatuba

Responsáveis teriam cortado pelo menos 45 árvores nativas com motoserras

0
75
desmatamento
45 árvores nativas foram cortadas (Foto: Polícia Ambiental)
- Publicidade -

Um flagrante de desmatamento em Ubatuba acabou em R$ 27 mil em multa, nesta quarta-feira (10). O estrago em região de Mata Atlântica, no loteamento Santa Rita, vinha acontecendo há tempos, inclusive com utilização de motoserra.

- Publicidade -

Após diversas denúncias, o crime foi descobero pela Polícia Ambiental na última segunda-feira (8) , durante uma fiscalização entre as praias do Perequê-Mirim e da Santa Rita. Os policiais encontraram pelo menos 45 exemplares de árvores nativas cortadas no terreno.

No local foi constatado o dano na vegetação nativa secundária do bioma da Mata Atlântica, que é considerada objeto de preservação especial pela Lei Federal 11.428/2006 .

Responsabilidade pelo desmatamento

desmatamento
A Ambiental multou condomínio pelo crime ambiental (Foto: Polícia Ambiental)

A Ambiental foi até o gerente do loteamento, que informou não possuir conhecimento da degradação, “visto seu afastamento médico”. O homem, no entanto, se comprometeu a realizar reunião com os funcionários para buscar informações relevantes sobre o caso.

A Associação Amigos da Península de Santa Rita, também informou aos policiais que desconhecia a autoria do crime e que não presenciaram a degradação.

Na quarta, os agentes retornaram para receber o feedback do gerente, mas ele não apareceu no condomínio, segundo a Ambiental, nem atendeu às diversas tentativas de contato via telefone celular.

Dessa maneira, a administração do loteamento Santa Rita e o seu representante foram considerados responsáveis indiretos pelo desmatamento, sendo elaborado o auto de infração ambiental no valor de R$ 13,5 mil para cada responsável, totalizando R$ 27 mil em multas.

- Publicidade -

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui