Prefeito de Caraguatatuba pede apoio do Estado para mais leitos no Hospital Regional

Aguilar Junior ainda cobra mais PMs para atuarem nas fiscalizações contra Covid-19

0
111
Óbitos HR
Óbitos preocupam porque Hospital Regional tem apenas uma vaga na UTI (Foto: PMC/Divulgação)
- Publicidade -

Representantes das cidades do Litoral Norte se reuniram na terça-feira (15/12) para alinhar com o Estado as ações de combate ao novo coronavírus, principalmente na virada do ano.

- Publicidade -

O encontro virtual teve a participação do prefeito de Caraguatatuba, Aguilar Junior; da prefeita de Ilhabela, Maria das Graças Ferreira, a Gracinha; e da prefeita eleita de Ubatuba, Flávia Pascoal. Também presente estava o secretário de Desenvolvimento Regional do Estado, Marco Vinholi.

Mesmo com o cancelamento das tradicionais queimas de fogo e os shows de verão, os prefeitos temem uma migração em massa de turistas para esta temporada de verão.

Um dos pedidos do prefeito Aguilar Junior ao Estado foi a abertura de mais leitos no Hospital Regional do Litoral Norte (HRLN), localizado em Caraguatatuba.

Atualmente, a unidade hospitalar funciona com 20 leitos de UTI Adulto e 10 leitos de Enfermaria Adulto. O pedido regional é que se aumente a estrutura de leitos de UTI Adulto e de UTI Pediátrica.

Além disso, os prefeitos pedem a abertura da Ala de Oncologia do HR para evitar que pacientes se desloquem diariamente para outras cidades em busca de tratamento.

“Temos uma estrutura de saúde montada para atender a demanda da população de Caraguatatuba. O Estado precisa liberar mais leitos, casos os municípios necessitem de uma retaguarda de atendimentos”, destaca Aguilar Junior.

Policiamento Estado
Prefeito pede mais policiamento do Estado para atuar na temporada (Foto: PMC/Divulgação)

Ele também reforçou ao Estado a necessidade de apoio da Polícia Militar nas ações de fiscalização no município.

“Estamos lançando uma campanha de verão como forma de conscientizar moradores e turistas sobre a necessidade do uso de máscara e os cuidados sanitários. Porém, precisamos do apoio da Polícia Militar nas fiscalizações. Repassamos as demandas ao secretário Marco Vinholi e aguardamos uma resposta”.

Campanha mais apoio do Estado

Folders serão distribuídos em locais de maior circulação de pessoas, assim como faixas já foram instaladas em locais públicos e uma campanha publicitária será feita na cidade nesta temporada de verão por conta do aumento no número de pessoas.

Importante destacar que fiscalizações são feitas desde o início da pandemia, sejam em comércios em geral, shoppings, quiosques e de pessoas que circulam nas ruas e calçadões da cidade.

Na fiscalização, são adotadas ações para verificar o uso de máscaras de proteção facial pelos frequentadores, a ocupação permitida, o horário de funcionamento, o alvará de funcionamento e o nível de decibéis emitido no ambiente.

- Publicidade -

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui