Facção criminosa é desmantelada e mais de R$ 500 mil em drogas são apreendidos

Foram presas ainda 16 pessoas na Operação Teashop

0
395
Mais de R$ 500 mil em drogas apreendidas no Litoral Norte (Imagem: DISE)
Mais de R$ 500 mil em drogas apreendidas no Litoral Norte (Imagem: DISE)
- Publicidade -

Uma facção criminosa foi desmantelada e mais de R$ 500 mil em drogas foram apreendidos no Litoral Norte, na tarde desta segunda-feira (6). Ela foi batizada de Operação Tea Shop, em alusão a seu líder conhecido como “Rei do Chá”, que comercializaria uma maconha considerada de qualidade superior.

- Publicidade -

Segundo a Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (Dise) de São Sebastião, sob a coordenação do delegado de Polícia Dr. Edson Pinheiro, foram sete meses de investigações.

Mais de R$ 500 mil em drogas apreendidas no Litoral Norte (Imagem: DISE)
Mais de R$ 500 mil em drogas apreendidas no Litoral Norte (Imagem: DISE)

Assim sendo, foi dado cumprimento a 28 mandados de busca e apreensão domiciliar, 11 mandados de prisões temporárias e quatro mandados de prisões preventivas da organização criminosa de tráfico de drogas e armas. Seu campo de atuação eram as cidades de Ilhabela, Ubatuba e São Sebastião.

Por fim, participaram da operação cerca de 160 policiais  das Delegacias de Investigações Sobre Entorpecentes na área do Departamento de Polícia Judiciária do Interior (DEINTER I) e Grupo Especial de Reação (GER), da Capital.

Mais de R$ 500 mil em drogas apreendidas no Litoral Norte (Imagem: DISE)
Drogas e armas apreendidas no Litoral Norte (Imagem: DISE)

A operação Tea Shop apreendeu cerca de 76 quilos de maconha, avaliadas em R$ 125 mil, 3.502 micropontos de LSD (dietilamida de ácido lisérgico) e MDMA (metanfetamina) e cocaína, com valor aproximado de R$ 350 mil, duas armas de fogo, munições, bem como veículos e motocicletas adquiridas com o lucro do tráfico.

Ainda houve o bloqueio de valores financeiros depositados em contas bancárias dos envolvidos, com valor aproximado de R$ 30 mil.

Por fim, foram presas 16 pessoas, 11 delas em razão de mandados de prisão temporária e outras quatro por outros crimes. Uma foi presa em flagrante. Também foram lavrados três autos de prisão em flagrante para envolvidos.

- Publicidade -

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui