Filhote de baleia Jubarte é batizado com nome de Jubinha

Foram 1.482 votos em concurso realizado por instituições de Ilhabela e São Sebastião

0
63
Mãe e filho foram fotografados por Sérgio França Foto: Divulgação)

Chegou ao fim a campanha para escolher o nome do filhote de baleia Jubarte avistado junto com sua mãe em 14 de julho passado no Canal entre Ilhabela e São Sebastião. Com 34,1% dos 1.482 votos, ele foi batizado com o nome de Jubinha. Outras opções eram Belinha, Borrifo, Sebá e Tião.

- Publicidade -

O concurso promovido pelo VIVA Baleias, Golfinhos e Cia/ Instituto Verde Azul, Projeto Baleia à Vista, Mar e Vida Eco Trip, Instituto Argonauta, Sea Shepherd e as Prefeituras de Ilhabela e São Sebastião.

O avistamento de baleias na região está rendendo várias fotos para os turistas e moradores que passeiam pelo arquipélago e as da espécie jubarte são as mais vistas.

Na ocasião, mãe e filho foram registrados a cerca de 400m da costa do Borrifos, em Ilhabela, nadando tranquilamente. As imagens da família foram captadas por um drone de Sérgio França, da cauda por Márcio Motta e, segundo especialistas, o filhote aparentava ter poucos dias.

Cauda característica registrada pela lente de Márcio Motta (Foto: Divulgação)

“O bebê pode ser o primeiro nascido no litoral norte porque a reprodução da espécie em águas brasileiras ocorre, normalmente, em Abrolhos (Bahia)”, conta Júlio Cardoso, coordenador do projeto Baleia à Vista.

“Eu venho fazendo observação e monitoramento de baleias no Litoral Norte desde 2004 e quase não via jubartes ate 2016, quando o número aumentou significativamente na passagem delas para sua migração para a Bahia. Elas faziam rotas mais afastadas e oceânicas e agora estão chegando bem próximas à costa em Ilhabela e São Sebastião”, conta.

De acordo com Cardoso, o monitoramento das baleias Jubarte em Ilhabela deve continuar, tanto por terra (Ponto Fixo de observação do VIVA Baleias, Golfinhos e Cia/Instituto Verde Azul) como por mar (Projeto Baleia à Vista). “Esse  esforço conjunto de monitoramento, trouxe resultados fantásticos, com número recorde de baleias avistadas e fotografadas para identificação.

Até o momento, mais de 300 baleias já teriam sido avistadas no Litoral Norte até o mês de julho, dos quais 64 de jubartes (92 indivíduos), 1 de orca (6 indivíduos) e 3 de Brydes (3 indivíduos).

 

 

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui