Mulher que adotou bode em Caraguá ganha transformação

Silvana Cordeiro enfrenta um câncer e deixou de comprar sua peruca da formatura para que o animal não morresse

0
9929
Silvana deixou todos emocionados com sua transformação (Fotos: Renan Rezende)

Silvana Cordeiro, a moradora de Caraguatatuba que viralizou na internet quando adotou um bode, ganhou em São Paulo um dia de cuidados exclusivos de beleza, uma peruca e até mesmo sua roupa de formatura. Ela enfrenta um câncer e estava guardando dinheiro para a peruca da formatura, mas gastou a quantia para salvar o bode Meia Noite da morte.

- Publicidade -

A dona de casa de 37 anos, mãe de seis filhos, tem mais de 20 animais em casa, todos resgatados das ruas (incluindo um cachorro cego e com cinomose que ela está tratando). Ela, que na luta contra o câncer teve sua autoestima abalada, teve um dia cujas atenções não foram para a família, bichos ou casa, mas para si mesma.

Em parceria com a Débora Garcia, o jornal Nova Imprensa levou Silvana para São Paulo, onde foi presenteada pelo Espaço Gairah com tratamento facial, sobrancelha, unhas, maquiagem e muito carinho.

Veja o video neste link

A Rede Solidária Árvore Azul, que atua em ações solidárias, inclusive em prol de mulheres vítimas de violência, também quis fazer parte deste “ato de empoderamento e resgate da autoestima da Silvana”, como ressaltou Eliana Ribeiro, presidente da ONG que a presenteou não apenas com a sonhada peruca, mas também com vestido, sapatos, echarpe e brincos para a formatura.

A emoção da “Tia da Faxina”, como Silvana se chama, por exercer a profissão antes do câncer e antes de se formar, começou sem ao menos ter se olhado ao espelho. Foi ao sentir a peruca, “esquentando a nuca”, algo que fazia muita falta, segundo ela, que sempre teve cabelos longos.

A futura educadora física, profissão que irá colar grau em poucos dias, só pode ver o resultado da mudança depois de pronta, com vestido, maquiagem, peruca e sapatos. “O barrigudinho vai ter trabalho hoje”, brincou, referindo-se ao marido.

Mas não foi apenas a dona do bode Meia Noite que se emocionou ao olhar-se no espelho; todas as pessoas que se envolveram no projeto de alguma maneira, choraram com ela. Por sua doçura, simplicidade e amor, Silvana Cordeiro teve um dia especial, mas também proporcionou momentos de profunda reflexão. Leandro, dono do Espaço Gairah, resumiu: “uma honra participar desse momento”.

Débora Garcia, que mobilizou as pessoas a participar da ação não continha as lágrimas. “Foram três meses de preparo para este dia, muita gente envolvida, tivemos que desmarcar duas vezes, uma porque ela estava com dengue, mas deu tudo certo, estamos realizados”, alegrou-se.

Ainda de vestido e salto alto, Silvana recebeu no Tulsi Indian Cousine um almoço comemorativo, junto com a equipe de apoio e imprensa, além de fotos no Rooftop Berrini, com uma vista incrível da capital paulista.

Ao voltar para casa, de noite, esposo e filhos a esperavam, curiosos. “Você está linda, mãe”, disseram uns, enquanto outros a abraçavam com olhos marejados. O marido não poupou elogios e até uma vizinha saiu no portão para ver o que estava acontecendo. Silvana voltou para casa uma nova mulher.

Agradecimentos
Espaço Gairah – @espacogairah
Regina Valente, cabelereira e maquiadora – @_reginavalente
Rede Solidária Árvore Azul – @redesolidariaarvoreazul
Tulsi Indian Cousine – @tulsiindian
Marina Sá Fotografia – @marinasafotografia
Hotel Transamérica Berrini
Rooftop Berrini – @rooftopberrini
Débora Garcia Assessoria de Imprensa – @dgarciaimprensa

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui