Mais de 200 trabalhadores são demitidos das obras na Tamoios

Queiroz Galvão desligou os funcionários na manhã desta terça-feira (20)

0
942
Empresa alega que finalização de fase levou às demissões (Foto: Divulgação)

Mais de 200 empregados, que trabalhavam nas obras de duplicação da rodovia dos Tamoios, foram desligados pela construtora Queiroz Galvão na manhã desta terça-feira (20).

- Publicidade -

O -Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção Pesada – Infraestrutura e Afins (Sintrapav) do Estado de São Paulo enviou um representante ao canteiro de obras para oferecer apoio e esclarecimento aos trabalhadores, além de acompanhar os procedimentos da empresa. A priori, a informação que receberam foi de que as demissões aconteceram pelo término de uma etapa das obras.

A Queiroz Galvão emitiu nota de esclarecimento sobre as demissões, onde informa que a rescisão dos contratos dos colaboradores faz parte do cronograma da obra e já era previsto ao término e entrega de atividades e projetos, como característica da atividade de construção.

No início do mês de agosto, as obras de duplicação atingiram 62% de avanço. A previsão é de que as atividades sejam concluídas em dezembro de 2021.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui