Comunidade da Serraria celebra padroeiro com festa amanhã

Uma das celebrações mais antigas de Ilhabela acontece em uma das praias mais belas

0
46
A festa acontece na areia clara e mar cristalino da Serraria (Foto: Daniela Malara Rossi)

A comunidade tradicional caiçara da praia da Serraria celebra, neste sábado (3), a festa em homenagem ao padroeiro Bom Jesus de Iguape. Em uma praia de larga faixa de areia clara e mar cristalino, acontecem, a partir das 11h, as celebrações religiosas e show musical.

- Publicidade -

Uma das festas mais antigas do arquipélago, a celebração terá levantamento do mastro, fogueira na praia, ucharia, leilão de pratos e bebidas, principalmente muita consertada – a bebida típica que não pode faltar nas festas caiçaras. Após a missa, será dada a largada para a tradicional “Corrida de Canoas da Serraria”, em Homenagem ao Sr. Juca.

Com flores em papel crepom ornamentando toda a sala de reza, seis mulheres se colocam de, sendo mães, filhas e cunhadas celebram o ritual. Três delas, que ficam de frente para o oratório, são as que cantam a ladainha; outras três, respondem. Todas participantes da companhia de Bom Jesus, e cantando as novenas em latim de forma harmoniosa, como nas primeiras festividades, o que segue até hoje.

O secretário de cultura Adalberto Lopes, o professor Beto, mostra grande expectativa para o evento. “Trata-se de uma comunidade extremamente tradicional caiçara, aqui no nosso arquipélago. Serraria detém cerca de 70 moradores, cujo os pais, avós e bisavós são moradores daquela região. Para a nossa administração, é obrigação fomentar e prever a cultura do nosso povo, e temos certeza de que essa festa a Bom Jesus ficará eternizada na memória daquela população e aos que irão prestigiar”.

Lenda do Santo

A imagem do Senhor Bom Jesus de Iguape, em Ilhabela, traz uma lenda que denomina sua origem, nela conta que um navio ao deixar Portugal, seguindo sentido ao Brasil foi abordado por holandeses. Com receio de ter seus objetos profanados, a tripulação lançou todos eles ao mar, inclusive a imagem de Bom Jesus.

Meses depois, um grupo de pescadores avistou algo estranho entre as ondas do mar, quando se aproximaram, perceberam que se tratava da imagem de Bom Jesus de Iguape, que foi por eles resgatado e levado para a Praia da Serraria, pela família de José Leopoldino dos Santos, conhecido por todo o arquipélago como Juca da Serraria.

Programação

11h – Missa e Procissão
12h30 – Teatro de Fantoches
15h – Teatro de Fantoches
18h30 – 1ª sessão de cinema
20h – Queima de fogos
21h – DJ Mariano
22h – Swing da Pisadinha

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui