Litoral Norte lembra abolição da escravatura com programação cultural

Rodas de conversa, cortejos, música e outras vivências marcam o 13 de Maio

0
81
São Sebastião tem programação a partir desta sexta-feira (Foto: Divulgação)

Mobilizações, manifestações culturais e debates sobre o significado do dia da abolição para o movimento negro vão marcar o mês de maio em São Sebastião, durante o “13 de Maio na Perspectiva Negra”. A programação começa nesta sexta-feira (10), com destaque para apresentação de Tata Kajalaci com Cantos de Nkisi, lembrando as raízes culturais negras.

- Publicidade -

Com o objetivo é ressignificar a data e marcar a visão dos negros sobre o fim da escravidão no Brasil, a abertura do evento acontecerá na Casa Brasileira, localizada na Rua da Praia, na sexta, às 19h, com uma roda de conversa sobre a abordagem do tema na educação, o espaço da cultura e da religiosidade, a visão do negro sobre as diásporas e a resistência, o espaço da mulher negra nas narrativas não oficiais e como ressignificar a luta pela abolição após mais de um século de apagamento.

As atividades seguem nos dias 17, 25 e 31 de maio, sempre com entrada gratuita. O evento é organizado pela Associação de Cultura Banto do Litoral Norte Paulista-Acubalin, grupo Batuque Caiçara e pelo Conselho da Comunidade Negra do Conselho Municipal de Políticas Culturais de São Sebastião, com apoio da Prefeitura de São Sebastião, da Casa Brasileira e do Coletivo Negro Odu,

Programação

10/05 (sexta-feira) – 19h
Local: Casa Brasileira
Cantos de Nkisi – com Tata Kajalaci
Roda de Conversa com:
Shirlei Rodrigues – Conselheira da Comunidade Negra – CMPCSS
Ataualpa de Figueiredo – Acubalin | Terreiro Ilê N’Zambi
Lala Machado – atriz
Nino – Coletivo Negro Odu de Ilhabela-SP
Nivaldo de Sena Barbosa – Batuque Caiçara

17/05 (sexta-feira) – 19h
Conversa com o Tata Kajalaci
Local: Terreiro Ilê N’Zambi | End:Trav.2, Av. Orlando Souza, 223, Perequê Mirim
Dia 25/05 (sábado) – 19h
Palestra: Mulheres negras e cultura afro-brasileira, com Mariana Machado Rocha – Faculdade de Educação /Universidade de São Paulo
Local: Teatro Municipal de São Sebastião | Av. Dr. Altino Arantes, 2 | Centro

31/05 (sexta-feira) – 20h
Cortejo do Afoxé Ilê N’Zambi e Batuque Caiçara
Local: Rua da Praia | Concentração em frente ao prédio da Marinha
Realização: Conselho da Comunidade Negra – CMPCS, Batuque Caiçara, Acubalin
Apoio: Prefeitura de São Sebastião | Casa Brasileira | Coletivo Negro Odu

Ubatuba

A cidade de Ubatuba também se mobilizou para a data e prepara o evento “13 de maio – 131 anos de falsa abolição”  no próximo sábado (11), das 13h às 17h, na praça Treze de Maio, durante a “Feira da Praça”. A programação traz apresentações culturais, rodas de conversa e oficinas.

O evento é co-organizado pelo Conselho Municipal de Economia Solidária de Ubatuba, os setoriais de Artesanato e Artes Plásticas e Visuais da Fundação de Arte e Cultura (Fundart) e a Rede Agroecológica Caiçara, com o apoio da Prefeitura de Ubatuba, por meio das secretarias de Agricultura e Pesca, Assistência Social e Educação. Esta edição conta também com o apoio do Observatório de Territórios Sustentáveis e Saudáveis da Bocaina, da Fiocruz Fundação Oswaldo Cruz e do Fórum de Comunidades Tradicionais de Angra, Paraty e Ubatuba.

Programação

“13 de Maio – 131 anos de falsa abolição”
13h • Jongo Ô de Casa • Grupo do Quilombo da Fazenda formado por jovens da comunidade que mantêm vivas danças e músicas tradicionais, entre elas o jongo.
13h30 • Artesanato Quilombola • Oficina com Seu Alcides, do Quilombo do Camburi, sobre a arte do manejo e do trançado da taboa, base da cestaria típica.
14h30 • Vivências Negras após a “abolição” • Roda de escuta com pessoas convidadas que, através de diferentes trajetórias, recontam a história nos provocando uma reflexão quanto à comemoração do 13 de maio.
16h30 • Batucada • Roda conduzida por batuqueiras negras e negros aberta para todas e todos que queiram celebrar a luta.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui