Tartaruga ferida presa em rede é resgatada em Ubatuba

A espécie corre o risco de extinção

0
102
A tartaruga verde foi levada para o Instituto Tamar (Foto: PM/ Divulgação)

Uma tartaruga marinha de aproximadamente 4 anos que estava presa em uma rede espera na costeira da Prainha do Matarazo, em Ubatuba, foi resgatada pela Polícia Ambiental na tarde deste sábado (13). A rede estava em condições ilegais e a tartaruga apresentava ferimentos no pescoço e nas nadadeiras. As lesões provavelmente ocorreram quando ela tentava se soltar.

- Publicidade -

O resgate aconteceu quando policiais da Companhia de Policiamento Ambiental Marítimo (Ciamar) a rede, do tipo “boiada”, armada, contrariando a legislação vigente.
Utilizando de técnicas de policiamento náutico, a equipe acessou a costeira através de trilha fechada e íngreme, e mesmo com condições desfavoráveis do mar, entraram no mar e nadaram até a rede para retirá-la.

A tartaruga foi encaminhada ao Instituto Tamar, onde permanece sob cuidados médicos para posterior soltura. O animal, da espécie “Chelonia Mydas”, conhecida como tartaruga verde, está em risco de extinção e uma das causas, segundo a PM, é a utilização desse tipo de rede, onde elas se enrroscam e morrem afogadas por não conseguir emergir para respirar.

Após o resgate, a equipe ainda encontrou outra rede irregular do mesmo tipo a poucos metros de distância da outra. As duas redes foram apreendidas e devem ser destruídas.

Denúncias de crimes ambientais podem ser feitas pelo telefone (12) 3842-0123.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui