Litoral e Vale do Paraíba têm novo comandante da PM

Coronel Stanelis já foi Comandante do 4º Subgrupamento de Bombeiros no Litoral Norte

0
142
Coronel Stanelis assume como novo comandante da PM na RMVale (Foto: Album Pessoal)

O Comando de Policiamento do Interior-1 (CPI1) da RMVale e Litoral Norte tem um novo comandante.  O Coronel de Polícia Militar José Eduardo Stanelis de Aquino assume o lugar do Coronel PM Lourival da Silva Júnior que esteve à frente da corporação por cerca de nove meses e agora vai assumi as funções de comandante do Policiamento Rodoviário no Estado de São Paulo.

- Publicidade -

Aos 54 anos, Coronel Stanelis é natural de Ribeirão Preto, filho do Coronel PM José Lopes de Aquino e da Sr.ª Anna Stanelis de Aquino e ingressou na Academia do Barro Branco, no Curso Preparatório de Formação de Oficiais em 1985.

Ele já serviu no Comando de Policiamento do Interior – 1 (5º BPM/I); 11º Grupamento de Bombeiros; Centro de Altos Estudos de Segurança; 3º Grupamento de Bombeiros; 5º Grupamento de Bombeiros; Academia de Policia Militar do Barro Branco; Centro de Material Bélico; Centro de Suprimento e Manutenção de Intendência; Comando de Policiamento da Capital; Grupamento Aéreo da Policia Militar; Comando de Policiamento de Área Metropolitana Quatro; Comando do Policiamento Metropolitano; Diretoria de Polícia Comunitária e de Direitos Humanos.

Ainda atuou em diversas áreas da Polícia Militar, sendo elas: Comandante de Pelotão e Instrutor na Escola de Formação de Soldados do 5º BPM/I; Comandante do Posto de Bombeiros de São Sebastião; Comandante do Posto de Bombeiros de Caraguatatuba; Comandante do 4º Subgrupamento de Bombeiros (Litoral Norte do Estado de São Paulo); Subcomandante do 3º Grupamento de Bombeiros; Subcomandante do 11º Grupamento de Bombeiros; Subcomandante do 5º Grupamento de Bombeiros; Chefe da Divisão Administrativa do Centro de Material Bélico; Chefe do CSM/M Int; Chefe do Estado Maior do Comando de Policiamento da Capital; Comandante do Comando de Policiamento de Área Quatro, na capital paulista; Comandante do Comando de Policiamento Metropolitano; e Diretor da Diretoria de Polícia Comunitária e de Direitos Humanos, última unidade antes do CPI-1.

Balanço

Em sua despedida, o coronel Lourival destacou que durante seu comanto o CPI-1 priorizou a valorização do policial militar, integração com as pessoas/comunidade e imprensa, parceria com instituições/forças vivas da sociedade, “sempre com o objetivo de melhorar os resultados operacionais e diminuir os crimes nos 39 municípios da região”.

Ainda conforme ele, em 2018 houve a diminuição de seis delitos indicadores da Secretaria de Segurança Pública (SSP), sendo que quatro deles o menor índice dos últimos cinco anos. “Significa que nossas estratégias e linhas de ação foram no caminho certo”.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui