SAÚDE EMOCIONAL: A mulher moderna e seus desafios

0
189
- Publicidade -

A Mulher de hoje tem que conciliar as multitarefas a qual é imposta, como: cuidar do marido, filhos, trabalho, saúde e, não menos importante, da aparência! Todo esse fardo cobrará seu preço, e isso, cada vez mais cedo.

A mulher, por uma série de fatores, como hormonais e de natureza fisiológica, tem características diferentes das dos homens. A soma de tudo isso a torna mais susceptível a um número maior de patologias. Em sua maioria, estão acima do peso. O que é pior, não praticam atividades físicas, o que pode causar hipertensão arterial. Essas três características em adição: o produto final será catastrófico! Além disso, as mulheres também estão mais propensas a sofrer de depressão e ansiedade.

- Publicidade -

Com relação ao estresse ao qual está sujeita, levando a quadros de ansiedade e até mesmo depressão, a melhor saída é parar, olhar para si. Então, pare, respire, divida tarefas com marido e filhos, saia com amigas, tenha uma noite romântica com marido/namorado e procure ajuda profissional para se reorganizar e se redescobrir . Existem métodos efetivos de diminuição de estresse através da identificação das fontes destes, reestruturação de prioridades e o mais importante, saber identificar experiências positivas e gratificantes que a deixam mais feliz no dia a dia, e claro, colocá-las em prática, isso é possível com a ajuda da psicoterapia.

Infelizmente as mulheres são levadas a acreditar de precisam a todo custo dar conta de tudo, o que é um pensamento desleal consigo própria. Além de dar conta não se pode chorar ou se mostrar frágil, diferente do que era imposto nos tempos passados.

O que se deve ter cuidado é observar seus limites, não é necessário fazer tudo, ser tudo; para se ter uma vida mental e emocional saudável é de extrema importância que a mulher moderna possa dividir as tarefas e saber que pedir ajuda é necessário e não a faz menos importante.

Não é saudável que se tenha um ideal inatingível onde a mulher tenha a obrigação de cuidar de toda casa, trabalhar, cuidar dos filhos, estar em forma, ser sensual todo tempo, esportista e sorrir sempre. As mulheres multitarefas precisam entender que deve ter o direito de escolher cuidar do seu emocional, e que chorar, ter momento sozinha para fazer o que gosta, dormir até mais tarde são mais do que direitos, são necessidades de se manter saudável e conseguir fazer suas tarefas de forma adequada.

Para quem está acostumada a se cobrar demais, pare e pense, 90% das mulheres hoje estão mais propensas a crise de pânico, ansiedade e depressão, e até mesmo suicídio e ainda sim, não se permitem cuidar da saúde mental, o que leva a crises cada vez mais difíceis de reverter e maior propensão para baixa auto-estima.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui