Pesquisadores do IPT vistoriam áreas alagadas do Portal da Olaria

Prefeito antecipa desapropriação e anuncia galeria no bairro

0
136
Comitiva visita um dos locais afetados pelas enchentes (Foto: Celso Moraes/PMSS)

Técnicos do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) estiveram em São Sebastião, na sexta-feira (8), para vistoriar vários pontos onde os alagamentos têm sido frequentes durante as chuvas. Acompanhados do prefeito Felipe Augusto e funcionários da Prefeitura, eles passam pelo Portal da Olaria, São Francisco e Pontal da Cruz, todos na região central.

Diante do que viram, o pesquisador Gérson Salviano de Almeida Filho explicou que agora será elaborado um projeto apontando o que pode ser feito na área em relação à bacia de contribuição de água que fica sem escoamento com chuvas fortes.  “Conhecemos o problema, agora vamos propor soluções para evitar nos alagamentos”, disse sem antecipar como seria.

Presente nas vistorias, o prefeito Felipe Augusto disse que a abertura de uma galeria para escoamento da água eu desce do morro é a solução mais plausível. “Será uma viela sanitária fechada com capacidade de vazão de toda essa água que vem do condomínio e do morro e hoje não tem para onde seguir”.

Para isso, ela adianta que uma área já foi desapropriada e por se tratar de faixa da Marinha aguarda autorização da Secretaria de Patrimônio da União (SPU) para dar início ao projeto e futura obra.

Outra vistoria foi no córrego que desce do São Francisco e atravessa a Rua Gilberto Pedro Rego, onde os técnicos avaliaram que será necessário trocar o sistema de drenagem do local, de tubo para aduela para que a água não transborde.

“Tem uma ponte no local e uma galeria de 100 metros de diâmetro que provoca o estrangulamento dessa ponte. Com as novas construções, o curso do rio foi alterado e agora sempre tem esse problema de alagamento no bairro.

Nesta segunda-feira terá início a obra para abrir a valeta, fazer uma galeria de dois metros, sem o estrangulamento. “Só que após o início da licitação, a obra deve ficar parada por cerca de um mês, que é o prazo burocrático”, esclareceu o prefeito.

A comitiva também esteve no Pontal da Cruz, onde já é feita uma oba de drenagem. A Prefeitura instala uma nova linha de dutos no início da Rua Ermínio Dela Guardiã, onde a tubulação antiga estava danificada por raízes de árvores que impediam a drenagem da água. Em uma viela localizada do outro lado da avenida Manoel Teixeira Leite será feito aumento da grelha de captação da água pluvial.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui