Cachorro morre eletrocutado em cabo caído na rua em Caraguatatuba

"Podia ter sido uma criança", desabafa a dona do cãozinho Nick

0
309
Nick estava passeando quando morreu (Foto: Arquivo Pessoal)
- Publicidade -

Por Fernanda Veiga

O rompimento de um cabo de energia causou a morte de um cachorro de estimação da raça Border Collie, no Jardim Santa Rosa (Morro do Chocolate, região norte de Caraguatatuba.

- Publicidade -

Nick estava passeando com sua dona Erica Cristina da Silva Gonçalves, 27 anos, quando acabou tocando no cabo e sofreu uma descarga elétrica e morreu na hora. “Podia ter sido uma criança”, desabafou ela.

Segundo a moradora, que preferiu não se identificar, durante 15 dias fizeram contato com a EDP, sem sucesso. “Foram vários protocolos. O risco de uma criança ser eletrocutada era enorme também”, desabafou.

Erica é monitora de estacionamento da zona azul e conta que há 15 dias a fiação pegou fogo. “Fazia barulho igual a pipoca estourando, os cabos ficaram em brasa, morremos de medo de pegar fogo em nossa casa. Minha vizinha perdeu tudo o que tinha na geladeira”.

Érica disse, ainda, que foram feitos vários contatos com a EDP, empresa responsável pelo fornecimento do serviço na região, mas a companhia teria informado que na área existem muitos “gatos” na rede elétrica. “Ninguém veio, perdi meu cachorro, podia ter sido uma criança”.

A EDP foi procurada pelo site Nova Imprensa, quando então compareceu ao Jardim Santa Rosa e consertou o cabo caído. Em resposta, por meio de sua assessoria de imprensa, a empresa lamentou o acidente e alegou que devido a um ato de vandalismo o cabo da concessionária foi rompido, ocasionando sua queda.

“Equipes estiveram no local e repararam a fiação danificada”, informou.

Érica confirmou a manutenção feita após denúncia do Nova Imprensa e revelou que teriam outros cabos cortados pela rua onde mora. As fotos foram encaminhadas para a EDP, que repassou ao setor técnico.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui