Após denúncias de descarte irregular de lixo, Cruzeiros receberão visita técnica

Cetesb desmente notícia de poluição; Em uma semana um navio de 3 mil passageiros produz 75 mil litros de dejetos humanos

0
174
A denúncia é de lixo no Canal de São Sebastião (Foto: PMI/ Divulgação)
- Publicidade -

Por Daniela Malara Rossi

Após denúncias sobre o descarte irregular de lixo no Canal de São Sebastião por parte  de Cruzeiros que visitam Ilhabela, a Associação Brasileira de Cruzeiros Marítimos propôs uma visita técnica para esclarecer as medidas de saneamento adotadas pelas companhias.

- Publicidade -

A fiscalização deve ocorrer nos dias 18 de janeiro e 4 de fevereiro com a presença de autoridades de fiscalização ambiental, representantes da Prefeitura de Ilhabela e sociedade civil em navios de duas empresas.

Recentemente vídeos e denúncias sobre descartes ilegais nas “rede de esgoto de navio” têm circulado nas redes sociais, mas um parecer da Cetesb desmentiu a notícia.

Sobre a mancha que apareceu na água do mar, próxima à Ilha das Cabras, técnicos da Secretaria de Meio Ambiente explicaram que se trata de floração que ocorre devido ao excesso de nutrientes logo após chuvas e ventos intensos na costa.

Acusações

Entre os meses de dezembro e março, o arquipélago receberá 64 escalas de navios, com possibilidade de aumento. A expectativa é que 250 mil visitantes passem pela Ilha, entre passageiros e tripulantes, no período. De acordo com a Prefeitura, nunca antes foi recebido um número tão grande turistas de navios em Ilhabela. Apenas um dos navios escalados, o MSC Seaview, trouxe mais de 5 mil visitantes para a cidade, em dezembro.

A empresa, bem como diversas outras do segmento, são acusadas no Brasil e no exterior de descarte de lixo irregular e enfrentam alguns processos na Justiça. Em 2013, o passageiro Sérgio da Silva Oliveira, filmou funcionários do navio da MSC jogando diversos sacos de lixo em alto mar e denunciou a empresa para o Ministério Público. Como se trata de uma empresa estrangeira, o promotor encaminhou o caso aos órgãos responsáveis

Em uma semana um navio de 3 mil passageiros produz 75 mil litros de dejetos humanos, mais de 370 mil litros de água dos sanitários e máquinas de lavar louça, e cerca de oito toneladas de resíduos sólidos e resíduos lavanderia tóxica, de acordo com a Environmental Protection Agency (EPA).

Sylvia Earle informa em seu livro A Terra É Azul que “seis bilhões de quilos de lixo são deliberadamente descartados nos oceanos todos os anos, a maioria vem de navios mercantes, mas não só deles, de todos os navios que cortam os mares. Mas além disso, outros 450 milhões de quilos de lixo vêm de barcos de pesca”.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui