Litoral Norte tem 31 praias poluídas e Ubatuba sofre com vandalismo

Barra do Una, em São Sebastião, entra na lista das impróprias

0
262
Praia do Arrastão, em São Sebastião (Foto: Nova Imprensa)

Por Mara Cirino

- Publicidade -

Novo boletim de balneabilidade emitido pela Cetesb que aponta que 31 das 97 praias e rios da região estão impróprios para banho. A análise é feita semanalmente e uma praia recebe a bandeira vermelha quando apresenta índice de coliformes termotolerantes (antigamente denominados Coliformes fecais), E. coli e enterococos por cinco semanas consecutivas. O período dessa análise é de 24 de novembro a 23 de dezembro.

Em relação à análise anterior, Ubatuba teve a liberação da praia de Picinguaba na região norte, e das 33 praias e rios analisados, 9 estão com bandeira vermelha. Também saiu a Lagoinha e entrou Maranduba, ambas na região sul.

Mas o município tem sofrido constantes ações de vandalismo, principalmente nas praias de Picinguaba, Lázaro e Perequê-Mirim. Por conta disso, a Prefeitura de Ubatuba emitiu alerta para a população que essa informação é importante para evitar eventuais danos à saúde dos banhistas.

Ela lembra ainda que atos de vandalismo contra a sinalização da Cetesb configuram danos ao patrimônio público, conforme previsto no artigo 163 do Código Penal, e podem resultar em penas como detenção de seis meses a três anos, e multa, além da pena correspondente à violência.

Denúncias sobre vandalismo do patrimônio público podem ser encaminhadas para a secretaria de Meio Ambiente de Ubatuba (3833-2439), para a Guarda Municipal (12-3833-6707) ou para a Polícia Militar (190).

O destaque de São Sebastiao fica para Barra do Una, na Costa Sul, que entrou na relação das praias que receberam a bandeira vermelha. O município conta com 13 praias e rios poluídos, entre eles, um dos pontos de coleta de Maresias, a mais badalada da região.

Nesta semana, Ilhabela tem um quadro um pouco melhor em relação à coleta anterior, quando 10 das 19 praias estavam impróprias para banho, . No boletim desta semana o número caiu para seis.

A situação melhor é em Caraguatatuba com três das 15 praias com bandeira vermelha.

Classificação Semanal

A Cetesb esclarece que a coleta e análise das águas litorâneas seguem critérios estabelecidos na Resolução Conama – Conselho Nacional do Meio Ambiente – nº 274/00  vigente desde janeiro de 2001, onde as praias são classificadas em ralação à balneabilidade, em 2 categorias: Própria e Imprópria sendo que a primeira reúne 3 categorias distintas: Excelente, Muito Boa e Satisfatória.

Essa classificação é feita de acordo com as densidades de bactérias fecais resultantes de análises feitas em cinco semanas consecutivas. A Legislação prevê o uso de três indicadores microbiológicos de poluição fecal: coliformes termotolerantes (antigamente denominados Coliformes fecais), E. coli e enterococos.

Pelo critério adotado pela Cetesb para águas marinhas: os enterococos, densidades superiores a 100 UFC/100 mL, em duas ou mais amostras de um conjunto de cinco semanas, ou valores superiores a  400 UFC/100 mL na última amostragem, caracterizam a impropriedade da praia para recreação de contato primário.

Sua classificação, como imprópria, indica um comprometimento na qualidade sanitária das águas, implicando em um aumento no risco de contaminação do banhista e tornando desaconselhável a sua utilização para o banho.

Mesmo apresentando baixas densidades de bactérias fecais, uma praia pode ser classificada na categoria imprópria quando ocorrerem circunstâncias que desaconselhem a recreação de contato primário, tais como; a presença de óleo provocada por derramamento acidental de petróleo; ocorrência de maré vermelha; floração de algas potencialmente tóxicas ou surtos de doenças de veiculação hídrica.

Praias impróprias para banho no Litoral Norte

São Sebastião 
Maresias, Cambury, Barra do Sahy, Barra do Una, Preta do Sul, Boiçucanga, dois pontos de Boraceia, Arrastão, Pontal da Cruz, Deserta, Porto Grande, Preta do Norte

Ilhabela
Armação, Pinto, Itaquanduba, Itaguaçu, Perequê e Veloso

Ubatuba
Rio Itamambuca, Iperoig, dois pontos do Itaguá, Dura, Santa Rita, Perequê Mirim, Lázaro e Maramduba

Caraguatatuba
Indaiá, Palmeiras e Porto Novo

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, informe seu nome aqui