Apae de Ilhabela comemora 30 anos junto a mais de 120 alunos especiais

Instituição teve festa comemorativa com jantar e banda
Entidade começou em outubro de 1988 (Foto: Gustavo Pereira/ Divulgação)

A Associação de Pais e Amigos de Excepcionais (Apae) de Ilhabela completou 30 anos de atividades no município. A instituição, que atende hoje 128 pessoas, iniciou suas atividades em 18 de outubro de 1988. E, para comemorar a data, foi preparada uma festa para os alunos especiais, famílias e trabalhadores da entidade. O menu foi assinado pelo chefe Tonhão e o som ficou por conta da banda Tom Cats.

A Apae é uma entidade filantrópica de assistência social, educação especial e saúde, prestando atendimento nas modalidades de Ensino em Educação Precoce, Educação Infantil, Ensino Fundamental I, Ensino Sócio Educacional e Educação Especial para o Ttrabalho, Artes Cênicas e Educação Física; com a parceria da Secretaria de Esportes nas modalidades de taekwondo e o atletismo. 

A estrutura da instituição conta hoje com corpo docente especializado e multidisciplinar; têm seis salas de aula, sala multifuncional, centro de convivência, sala de reabilitação e interação sensorial, estimulação (para o início dos trabalhos após o primeiro diagnóstico), terapia ocupacional, sala de artes, serviço social, fonoaudiologia, psicologia, nutrição, equoterapia, recepção, sala de reunião, administração e direção, banheiros acessíveis, vestiário, campo de futebol e piscina aquecida para hidroterapia, natação “Nadando para o mundo” e Recreação Pedagógica. 

“Comecei a trabalhar com a Apae em 1995 e vi muita coisa mudar. Nesta época eram atendidos 16 alunos, em duas salas, com formato essencialmente assistencial. Só três anos depois, em 1998, ela passou a atender em caráter educacional, sendo a primeira e única escola de educação especial de Ilhabela”, destacou Deyse Moreira, diretora educacional.

Compartilhe no Google+
    Comente com o Blogger
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário