Famílias recebem 84 apartamentos do CDHU em São Sebastião

Projeto inicial era na Praia Brava, mas o  empreendimento foi feito no bairro Enseada
A entrega deve acontecer neste sábado (15) (Foto: Nova Imprensa)

A Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU) entrega, neste sábado (15), as 84 primeiras unidades do Conjunto Habitacional São Sebastião F, construído no bairro Enseada. O investimento para a viabilização do empreendimento foi de R$ 36 milhões. Segundo a companhia, as 84 unidades restantes serão entregues até o fim deste ano.

Dentre as famílias contempladas, 60% têm renda familiar de até três salários mínimos. Todos terão até 25 anos para pagar o financiamento com subsídio do governo estadual. O valor das parcelas será calculado de acordo com a renda.

As unidades têm dois dormitórios, com 56,67m² de área construída, sala, cozinha, banheiro, estrutura metálica para cobertura, azulejo na cozinha e no banheiro, esquadrias em aço com pintura eletroestática, laje e piso cerâmico com rodapé e aquecedores solares instalados. Conforme a CDHU, o condomínio conta ainda com redes de água, esgoto, drenagem e elétrica; iluminação pública, pavimentação, passeio público e paisagismo. Os moradores devem acionar a concessionária de energia para solicitar a ligação individual de energia.

Praia Brava

Inicialmente, o projeto previa que as casas seriam para abrigar moradores da Praia Brava, na Costa Sul de São Sebastião, mas a comunidade se uniu e fez manifestação para não sair no local onde residem atualmente.

O presidente da Associação Ambiental Praia Brava (Ambrava), Marcelo Cavalheiro Mendes, 44 anos, conta que em fevereiro passado alguns moradores foram avisados que deveriam comparecer à sede da Associação dos Engenheiros, no Centro de São Sebastião.

“Foi formada uma comissão e junto com um advogado fomos lá onde nos informaram que era para ir um de cada vez e que deveria aceitar apartamento disponibilizado pela CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional Urbano) no outro lado da cidade (Enseada, na Costa Norte)”, conta Mendes.

Compartilhe no Google+
    Comente com o Blogger
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário