#SeLiga - Tenso - balsa - igualdade

Tensas I

As sessões de Câmara desta semana foram tensas e com muita lavação em algumas cidades da região. Em São Sebastião, vereadores que defendem a atual administração estão partindo pra cima do chamado G5. O presidente da Casa, Reinaldinho Moreira, foi com tudo contra Onofre Neto. Renato da Silva não poupou seu colega Pixoxó, e Diogo Nascimento, que chegou agora, foi pro ataque contra Gleivison Gaspar. 

Tensas II

Do jeito que as coisas andam, daqui a pouco será preciso usar protetor para participar ou assistir as sessões da Câmara sebastianense. E olha que, pelo andar da carruagem, semana que vem o bicho deve pegar em decorrência dos acontecimentos dessa semana. Estamos de olho.

Tensas III

Também foi quente a sessão de Câmara de Caraguatatuba. A verdade é que teve manifestação, mas até o momento não está claro o motivo do movimento. A sessão foi encerrada mais cedo para evitar problemas maiores, mas qual foi mesmo o motivo do manifesto?

Chegando

Falando em novo, quem também chegou à Câmara de São Sebastião foi o encarregado de obras, Everton Leandro, conhecido como Tico, que assumiu a vaga deixada por Daniel Simões, que se licenciou por 30 dias alegando motivos particulares. Filiado ao PP, Tico obteve 346 votos na última eleição, que lhe garantiram a condição de suplente. Ele é natural de Caraguatatuba, tem 32 anos de idade e reside no bairro do Jaraguá.

Igualdade I

A presidente da Associação dos Vendedores Ambulantes de São Sebastiao, Joana Passos, enviou ofício ao prefeito Felipe Augusto, pedindo para ver a possibilidade de alteração nas datas dos vencimentos das renovações das taxas municipais como feito, por exemplo, com os taxistas. 

Igualdade II

Hoje eles tem de pagar a taxa que vaia de 800 a R$ 1.000  de uma vez. O pedido segue no sentido de ter um carnê para diluir as prestações. Ela lembra que eles não querem isenção, mas facilidade para pagar até porque os ambulantes vivem de feriados e temporadas, motivo da dificuldade atual.

Ah, a balsa I

Pro lado da Ilha, a balsa continua sendo uma pedra no sapato de seus usuários. Filas homéricas têm sido registradas nos últimos dias, mas a pergunta que não quer calar é por que? Não é feriado, não é fim de semana, o tempo não fechou suficiente... Duas balsas. Essa foi a quantidade disponibilizada nos últimos dias. Aí segura a revolta do povo.

Ah, a balsa II

E por falar em balsa, o prefeito de Ilhabela, Márcio Tenório, tem tetando de tudo quando é gente resolver ou amenizar o problema. Este mês ele já recebeu o novo diretor de operações da Dersa, Eduardo Di Gregório para, mais uma vez, cobrar solução para os constantes problemas na travessia São Sebastião-Ilhabela.

Ah, a balsa III

Depois de inúmeros pedidos e reivindicações, o prefeito denunciou ao Ministério Público o mau serviço prestado pela empresa com o intuito de ver providências tomadas, de forma imediata, pelo Governo do Estado em relação ao serviço oferecido ao usuário.

Ah, a balsa IV

Ele destacou: “é público que tenho cobrado ações efetivas do Governo Estadual para melhorar o péssimo serviço prestado à nossa população. Cobrei pessoalmente o então governador Alckmin e recentemente entreguei ofício ao nosso governador, Márcio França, denunciando o desserviço da Dersa. Levei também a denúncia aos órgãos fiscalizadores em São Paulo e Brasília. Lutamos pelo interesse coletivo e será sempre assim durante a nossa Administração”, ressaltou.

Ah, a balsa V

O prefeito também lembrou o fato de a questão já ter sido denunciada por autoridades e usuários do serviço, e enfatizou que, mesmo assim, os problemas continuam se repetindo, com estrutura praticamente a mesma, com balsas antigas e precárias fazendo o transporte de passageiros junto aos veículos. E aí Gregório, vai conseguir ajudar?

Regularização Fundiária I

O Comitê Especial de Regularização Fundiária da Prefeitura de Ilhabela, realiza na próxima segunda-feira (27), às 19h, uma audiência pública no auditório do Paço Municipal. Na ocasião será apresentada a minuta do relatório sobre a regularização fundiária de interesse específico.

Regularização Fundiária II

A legislação vigente, o desenvolvimento dos trabalhos como, por exemplo, a análise dos processos administrativos que tratam dos inquéritos civis, as vistorias e notificações, o recebimento e análise de documentos entre outros, também estão entre os temas a serem discutidos no evento. Para participar da audiência basta comparecer no dia e horário marcados. Participe, sua presença será muito importante. A minuta pode ser consultada no site da Prefeitura no seguinte link: https://goo.gl/JLnBYn

Compartilhe no Google+
    Comente com o Blogger
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário