Corpo encontrado na Ponta do Boi pode ser de desaparecido em Bertioga

Marinha estava em busca dos pescadores desaparecidos em Ilhabela, mas famílias não reconheceram a vítima
Ponta do Boi é uma das regiçoes mais revoltas do litoral (Foto: Marcio Bortolusso)

O corpo de um homem foi encontrado em alto mar, às 11h desta quinta-feira (17), nas proximidades da Ponta do Boi, um dos maiores abismos de Ilhabela. O corpo foi encontrado dentro da área planejada pela Marinha do Brasil para busca dos dois pescadores desaparecidos na última segunda-feira (14). Após as operações de translado, foi dada entrada no Instituto Médico Legal (IML), porém as famílias vítimas não reconheceram o corpo.

De acordo com as autoridades, o corpo localizado pode se tratar de outra vítima desaparecida em Bertioga. "A provável identificação do corpo é de um homem desaparecido na Pedra Selada há cerca de dez dias", afirmou o Capitão do Grupamento Marítimo dos Bombeiros (Gbmar),  João Batista Rapaci.

A Defesa Civil de São Sebastião informou que as buscas serão reiniciadas nesta sexta-feira (18) pela manhã juntamente com o Corpo de Bombeiros, Marinha e Defesa Civil de Ilhabela.

O caso

O mestre de cabotagem da balsa, Luiz Cláudo de Jesus, saiu do Rancho dos Pescadores, em São Sebastião, para pescar em Ilhabela com um amigo na noite de segunda, com a embarcação "Peteleco". O barco teria sido arrastado para as pedras pela força da maré durante a madrugada. Os bombeiros encontraram a capota da lancha, parte da rede de pesca e do motor, modelo Envinrude 30Hp. 

Eles foram vistos pela última vez na região do Borrifos por dois moradores da comunidade tradicional da praia do Bonete, que também saíram para pescar no local. De acordo com uma das testemunhas, eles chegaram a conversar com Luiz, mas resolveram ir embora antes deles. "A força da maré estava correndo muito, jogando de fora para terra", afirmou o pescador. 

Compartilhe no Google+
    Comente com o Blogger
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário