Homem morre carbonizado após incêndio em barraco na Costa Sul

Vítima ainda não foi reconhecida por conta das condições do corpo
No local do barraco,só sobrou fumaça (Foto: Corpo de Bombeiros)

Um homem, ainda sem identificação, morreu na madrugada desta segunda-feira (30), após incêndio ocorrido em um barraco onde dormia. O caso foi registrado por volta das 3h30, na Rua Lobo Guará, no Sertão de Cambury, na Costa Sul de São Sebastião. 

O barraco foi totalmente consumido pelas chamas e os bombeiros só conseguiram chegar ao local por volta das 6h15, uma hora após ter sido acionado por um vizinho.

Segundo o comandante do Corpo de Bombeiros do Litoral Norte, capitão Newton Kruger, o vizinho contou que o calor atingia sua residência, por isso, se ocupou em apagar o fogo por se tratar de um local isolado.

“Somente depois disso ele ligou para o 190 acionando o Corpo de Bombeiro, mas eram 5h11, e quando a viatura chegou ao local o fogo já havia sido extinto por ele e familiares”.

O local foi preservado após a confirmação de que havia um corpo onde antes ficava o barraco, mas como foi totalmente carbonizado, ainda não foi possível fazer a identificação. 

Alexandre Bertolini, delegado titular do 2º DP, em Boiçucanga, confirmou que ainda não há identificação da vítima e que área é conhecida por ser frequentada por usuários de drogas.

O chefe dos Investigadores do 2º DP, Ricardo Marques, disse que a vítima era conhecida por Gandula e que tinha entre 35 e 40 anos. "Era uma espécie de cigano que dormia em vários lugares, além de usar drogas e cometer pequenos furtos".

A Polícia ainda vai investigar se o incêndio foi acidente ou criminoso porque, segundo testemunhas, a vítima teria se envolvido em uma briga com um travesti e seu namorado.

A Costa Sul de São Sebastião não conta com base ou viaturas do Corpo de Bombeiros e em qualquer ocorrência dessa natureza o resgate precisa sair do Centro da cidade. 

Há anos a corporação pede aos administradores públicos apoio para a implantação de um posto, mas não foi feito até o momento.

Compartilhe no Google+
    Comente com o Blogger
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário