Programa “Internet para Todos” do governo Federal chega ao Litoral Norte

Em Caraguatatuba, a previsão é que o serviço inicie em junho de 2018
Os prefeitos assinaram convênio nesta segunda (12) (Foto: Divulgação)

Os prefeitos das cidades de Caraguatatuba (Aguilar Junior), São Sebastião (Felipe Augusto), Ilhabela (Marcio Tenório) e Ubatuba (Delcio Sato) assinaram, nesta segunda-feira (12/03), em Brasília, convênio para implantação do programa “Internet para Todos”, do governo federal. O projeto tem objetivo de democratizar o acesso à internet em busca de inclusão social. O sistema prevê internet aos aparelhos públicos e posteriormente para que a população possa obter um sinal de qualidade.

Em Caraguatatuba, moradores de quatro bairros começam a receber o benefício a partir de junho deste ano. O projeto piloto será feito no Massaguaçu e Sertão dos Tourinhos (região Norte), Poço das Antas (Oeste) e Perequê-Mirim (Sul). 

Já em São Sebastião, o sistema vai beneficiar as seguintes comunidades: Abras do Una, Cambury, Engenho, Praia da Baleia e Jaraguá. A expectativa é que o funcionamento do programa na região comece a partir do segundo semestre.

No arquipélago de Ilhabela o convênio vai atender as comunidades tradicionais da ilha de Búzios, Bonete e Castelhanos.

E na cidade de Ubatuba, 20 comunidades devem ser contempladas: Almada, Folha Seca, Camburi, Cazanga, Corcovado, Estaleiro, Ingá, Monte Valério, Morro do Tiagão, Parque dos Ministérios, Picinguaba, Puruba praia, Puruba sertão, Rio da prata, Sertão da Quina, Sertão do Araribá, Sertão do Cambucá, Taquaral, Ubatumirim sertão.

As antenas devem atender num raio de 2 km de distância. A conexão com a internet é feita por meio do Satélite Geoestacionário de Defesa e Comunicações Estratégicas (SGDC), que está em órbita desde maio de 2017 e recebeu R$ 3 bilhões em investimentos do governo.

O Programa Internet para Todos já tem 2.260 cidades aptas a assinarem o termo de adesão. Outras 330 também já manifestaram o interesse em participar da iniciativa. A assinatura ocorreu no Ministério da Ciência e Tecnologia e contou com a presença de diversas autoridades. 

Infraestrutura

Segundo o prefeito de Caraguá, Aguilar Junior, foram identificados pontos que necessitam de intervenções para que a internet chegue de forma mais rápida.

“Além do programa, solicitamos a doação de computadores para que sejam instalados em espaços públicos e que estejam à disposição de nossa população para uso diário”, explica o prefeito.


Compartilhe no Google+
    Comente com o Blogger
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário