Primeira-dama de Ilhabela morre aos 42 anos vítima do câncer

Júlia Tenório faleceu, nesta segunda-feira (26), no hospital Sírio Libanês, em Sâo Paulo
O prefeito com a filha e a esposa, Julia Tenório (Foto: Facebook/ Divulgação)

Faleceu, na noite desta segunda-feira (26), a primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade de Ilhabela, Júlia Tenório, vítima de um câncer que tratava desde 2012. Júlia Tenório, 42 anos, era casada com o prefeito Márcio Tenório, com quem teve duas filhas, Anna Júlia, 17, e Manuella, 10 anos. Ela estava internada no hospital Sírio Libanês, em São Paulo.

Natural de Guarulhos, chegou jovem ao arquipélago, em 1990, com 14 anos, e logo se encantou com Ilhabela. Trabalhou no setor administrativo da antiga empresa de transportes Autoviação Ilhabela até 2012, ano que se afastou após descobrir um câncer de mama, que reapareceu em 2016. 

Na empresa, começou a realizar trabalhos voluntários porque gostava de lidar com o público. Esse ano pode ampliar esse trabalho à frente do Fundo Social de Solidariedade, que mesmo em tratamento conduzia com determinação e carinho, dividindo suas rotinas entre o acompanhamento da doença e o trabalho. 

Em 2017, na sessão solene do 212º aniversário de emancipação político-administrativa de Ilhabela, em 3 de setembro, Júlia Tenório foi homenageada com o título de Cidadã Honorária, proposto pelo vereador Thiago Souza.

Júlia realizou trabalhos na igreja, onde dava aula para crianças. Gostava de ajudar as pessoas. Sempre levou uma vida muito corrida, pois já trabalhava antes de casar e quando teve as filhas continuou trabalhando. Adiou a faculdade para cuidar da família. 

À frente do Fundo Social trabalhou na promoção de cursos de capacitação e profissionalização para a população, melhorou e aumentou as opções de cursos para dar oportunidade de qualificação às pessoas. 

As pessoas que conviveram com ela destacam a bondade e o amor ao próximo como grande marca de toda sua vida.

O velório acontece a partir das 9h, no Esporte Clube de Ilhabela, e o sepultamento está marcado para as 15h, no Velório Municipal.

A Prefeituta de Ilhabela e as Câmaras Municipais de Ilhabela e São Sebastião decretaram luto oficial de três dias.
Compartilhe no Google+
    Comente com o Blogger
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário