Ilhabela espera 147 mil turistas para temporada de cruzeiros 2018

Escalas terão 40 % de aumento, com 55 navios, e começam na próxima terça-feira (28) 
Navios começam a atracar na Vila na próxima semana (Foto: PMI/ Divulgação)

A largada para a temporada de cruzeiros 2018 vai ser dada na próxima terça-feira (28) em Ilhabela e, segundo a prefeitura, a escala deste ano está 40% maior do que em 2016. A expectativa é que 147 mil turistas atraquem na Vila no período de 28 de novembro a 29 de março de 2018.

O número não chega a bater o recorde de escalas que a cidade já recebeu, mas, de acordo com a administração, é resultado do trabalho de divulgação realizado em feiras e eventos de turismo. 

“Desde 2007 Ilhabela vem em queda nesse período de visitas de cruzeiros, passando de 156 escalas em 2006 para 39 em 2016. Para essa temporada temos 55 escalas confirmadas”, disse o secretário de Desenvolvimento Econômico e do Turismo, Ricardo Fazzini.

O cronograma lista atracações de companhias como o MSC Cruises, Costa Cruzeiros, Celebrity Cruises, Princess Cruises, Seabourn Cruises, com dois destaques: o Alteza Cruises, que atraca pela primeira vez em Ilhabela, e o Residensea, da companhia The Word, que está pela primeira vez na América do Sul e ficará dois dias seguidos na cidade, no chamado over night. 

“Esse navio chega no sábado, 17 de fevereiro, às 9h, e só vai embora no domingo, 18, às 22h. Os turistas poderão desfrutar não somente dos passeios durante o dia, mas também da vida noturna de Ilhabela, movimentando ainda mais a economia local”, falou o secretário de Turismo.

Opções de passeios

Os passageiros que optarem em passar algumas horas em terra firme poderão desbravar Ilhabela fazendo city tours, que levam os visitantes para praias como Pedra do Sino, Jabaquara, Curral, Castelhanos, Bonete, além das trilhas e cachoeiras.

Para esses passeios, a cidade conta com 35 vans e micro-ônibus, 95 jipes, 32 taxis, além de variados modelos de embarcações.

Compartilhe no Google+
    Comente com o Blogger
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário