Cooperativas aumentam em 70% o recolhimento de recicláveis em Caraguá

Hoje a cidade produz mais de 100 toneladas de lixo por mês, sendo 30 de materiais recicláveis
Programa da prefeitura foi implantado em agosto (Foto: PMC/ Divulgação)

As cooperativas que trabalham com a coleta seletiva de Caraguatatuba registraram no início do mês de outubro um aumento de aproximadamente 70% na coleta de materiais recicláveis. O crescimento se deve ao programa implantado no dia 23 de agosto pela Prefeitura de Caraguatatuba, por meio da Secretaria de Meio Ambiente, Agricultura e Pesca.

As duas cooperativas de recicláveis inscritas na Prefeitura são a Maranata, que entre os meses de agosto e setembro registrou um aumento médio de 63% e a Pegorecicla, que no mesmo período registrou aumento de 77%.

Ao todo, mais de 30 pessoas, entre cooperados e funcionários da Electra Pavimentação e Construção Civil Ltda, empresa responsável pela coleta, estão envolvidos neste novo sistema de gestão, que coloca Caraguatatuba entre as cidades que desenvolvem políticas públicas em resíduos sólidos, para a preservação do Meio Ambiente.

Hoje a cidade produz mais de 100 toneladas de lixo por mês. Destes, mais de 30 são de materiais recicláveis, porém, antes da implantação do programa de Coleta Seletiva, apenas nove toneladas eram reutilizadas.

O secretário de Meio Ambiente, Agricultura e Pesca, Marcel Giorgeti, afirma que com a inovação no serviço de coleta seletiva, os gastos com o envio diário do lixo para o aterro sanitário de Jambeiro diminuirá drasticamente, uma vez que esse material segregado não será mais disponibilizado para o transbordo.

Compartilhe no Google+
    Comente com o Blogger
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário