Ubatuba fecha parceria com CDHU para construção de 376 casas populares

Projeto visa abrigar famílias que vivem em situação precária dentro de áreas de preservação ambiental
O projeto visa a acontrução de 376 casas populares em Ubatuba (Foto: Divulgação)

A cidade de Ubatuba acaba de fechar parceria com a Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU) para construção de 376 casas populares. O objetivo do projeto é abrigar famílias que vivem hoje em assentamentos precários dentro de áreas de preservação ambiental, no Parque Estadual da Serra do Mar (PESM). 

As moradias terão um, dois ou três dormitórios e devem contar com sistema de tratamento de esgoto e energia sustentável. A obras estão previstas para serem entregues em 2018 nos bairros da Sesmaria, Ipiranguinha e Cachoeira dos Macacos.

Representantes da secretaria de Cidadania e Desenvolvimento Social de Ubatuba se encontraram com o gerente regional da CDHU de Santos, Rafael Redo Garcia, e definiram o projeto de acordo com o estudo do Programa Litoral Sustentável. A obra conta com recursos financiados pelo Banco Internacional de Desenvolvimento (BID).

“Esta parceria entre Prefeitura e CDHU fará com que várias famílias realizem o sonho da casa própria, além de contribuir no projeto de realocação de famílias que hoje se encontram em áreas de parque ou de risco”, explica Vanderlei Amorim, secretário adjunto de Cidadania e Desenvolvimento Social de Ubatuba.

Compartilhe no Google+
    Comente com o Blogger
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário