Tempestade causa deslizamentos e deixa 7 pessoas desabrigadas em São Sebastião

As áreas mais atingidas foram a região Central e Costa Norte da cidade, com registro de 100,1 milímetros de água e incidentes em diversos pontos
As regiões mais afetadas foram Centro e Costa Norte (Foto: Divulgação)

As fortes chuvas que atingiram o Litoral Norte na madrugada desta quarta-feira (15/3) causaram estragos na cidade de São Sebastião. Os principais incidentes aconteceram nos bairros do Itatinga, na Travessa Júlio Prestes e Antônio Tenório, onde foi registrado deslizamento de encosta. No mesmo local, a Defesa Civil interditou duas casas e sete pessoas foram removidas. Laudos do Instituto Geológico (IG) são aguardados para definir se o local deverá ser condenado. O município segue em estado de atenção.

As áreas mais atingidas foram a região Central e Costa Norte da cidade. Ainda no Itatinga, foi registrado uma erosão na rua Karen Marmo, e o tráfego de veículos foi suspenso. A Secretaria de Obras já foi acionada para definir e executar os procedimentos necessários.

No Morro do Abrigo, houve deslizamento de terra na rua Nova Aurora e uma casa encontra-se em situação de risco. Já na Praia Preta, durante a madrugada, na Rua das Flexeiras, várias árvores caíram, bloqueando a rua. Contudo, o Corpo de Bombeiros já está trabalhando para realizar a remoção. A curva do bairro do Varadouro também está parcialmente interditada devido queda de uma barreira.

Na Costa Sul de São Sebastião, o único registro de ocorrência foi em Cambury, com uma queda de árvore.

De acordo com o Centro Nacional de Monitoramento de Alertas de Desastres Naturais (Cemaden), choveu 100,11 milímetros na região Central. Segundo a Secretaria de Segurança Urbana (SEGUR), equipes de agentes da Defesa Civil estão nas ruas para avaliar e vistoriar situações de risco desde às 5h, horário da primeira ocorrência registrada no Centro de Operações Integradas (COI).

Ilhabela
A lama invadiu a pista no Curral (Foto: Divulgação)


No arquipélago, a chuva provocou quedas de árvores nas estradas de Castelhanos e do Camarão, Praia Grande, Barra Velha, além de um pequeno deslizamento de terra na Praia do Curral. As árvores e a lama na pista já foram removidas pela equipe da Secretaria de Serviços Municipais.


O diretor da Defesa Civil de Ilhabela, André Frederico visitou alguns locais para verificar a situação. “O município está em estado de atenção, pois choveu cerca de 91 mm e o acumulado é de 124mm. A previsão de chuva para todo o mês de março era de 200 mm. Continuamos monitorando as áreas de risco como o Morro dos Mineiros, Cantagalo, Barreiros, Barra Velha e Alto da Barra”, explicou.

Compartilhe no Google+
    Comente com o Blogger
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário