Aprenda como curtir o Carnaval sem descuidar da saúde bucal

Ingestão de bebidas alcóolicas, festas e muitos "beijos" pedem cuidados especiais
Confira 5 dicas da dentista e consultira de saúde bucal da Condor (Foto: Divulgação)

O carnaval, um dos feriadões mais esperados do ano, é também uma época marcada pela combinação: festas, bebidas e muita paquera. A folia pode durar o dia todo ou se prolongar pela noite, mas é importante lembrar que a diversão não pode ameaçar a saúde da sua boca. "Muitos foliões deixam de lado os cuidados básicos nesse período e, como estão mais expostos, podem ter problemas posteriormente", afirma Érika Vassolér, dentista e consultora de higiene bucal da Condor.

Apesar da cerveja ser uma das bebidas alcoólicas mais populares entre os brasileiros, as opções doces, como coquetéis, também fazem bastante sucesso e representam um perigo a mais para a saúde bucal. Quando o açúcar e o álcool são ingeridos juntos liberam um ácido que desgasta o esmalte dos dentes e pode causar dor, sensibilidade e até cárie. O mau hálito é outro problema. "Como o álcool tem efeito diurético, pode desidratar o corpo e reduzir o fluxo da saliva, deixando a boca mais seca. Esse cenário favorece a proliferação de micro-organismos que causam placa e mau hálito", explica Érika.

Além do aumento no consumo de álcool, durante o carnaval, muitos solteiros aproveitam as festas e bloquinhos de rua para conhecer novas pessoas e o "beijo" pode ser mais um fator de alerta. Segundo a consultora, "a boca é a porta de entrada para diversas doenças, como mononucleose, tuberculose, hepatite B e o vírus HPV, por exemplo. Por isso, é essencial que, mesmo na folia ou na viagem de Carnaval, o folião lembre-se de manter sua rotina de higiene bucal, além de tomar alguns cuidados complementares", completa a dentista.

Confira as dicas para curtir o período em segurança

- Não esqueça de escovar os dentes pelo menos três vezes ao dia e utilizar o fio dental;
- Em casos de lesões e feridas na boca, procure um profissional especializado para receber orientação adequada;
- Evite beijar muitas pessoas em curto espaço de tempo. A troca exagerada de micro-organismos potencializa as chances de doenças;
- Se ingerir bebidas alcóolicas, lembre-se de tomar bastante água. A hidratação evita o mau hálito e reduz as manchas nos dentes;
- Se perceber que está com mau hálito, não substitua a escovação por balas ou chicletes. Essas opções provocam cáries e outros problemas bucais.

Compartilhe no Google+
    Comente com o Blogger
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário