Comtur de Caraguá quer implantação de Plano Diretor, receptivo turístico e outdoors


Propostas foram apresentadas ao trade turístico na primeira reunião ordinária do órgão


Por Mara Cirino

A instalação de outdoors em locais estratégicos como saída de aeroporto e rodovias convidando o turista para visitar a cidade de Caraguatatuba e a implantação do Plano Diretor e de um receptivo turístico no município são ações consideradas prioridades para o desenvolvimento do setor. 

Esta é a análise feita pelo Conselho Municipal do Turismo (Comtur) de Caraguá, que na última quinta-feira (26) fez uma apresentação a empresários do setor, prestadores de serviços, acadêmicos e representantes do poder público sobre estratégias para atrair mais turistas para a cidade.

“Pela primeira vez na história de Caraguá estamos querendo ouvir os empresários ligados ao Turismo para fortalecer o nosso turismo”, disse o presidente do Comtur, Rodrigo Tavano, na primeira reunião ordinária do órgão que juntou quase 100 pessoas do trade, o que foi considerado um sucesso. 

Ele elenca que as ideias apresentadas são, praticamente, sem custo dentro do orçamento de Caraguá que pode deixar de fazer shows milionários durante o verão para colocar outdoors em pontos estratégicos durante o ano inteiro. 

As rodovias Carvalho Pinto e Tamoios já são pontos pacíficos, mas ele também pensa em levar para a Presidente Dutra e D. Pedro I, que liga o interior ao Litoral Norte, bem como na saída do aeroporto de Guarulhos. 

Mas como prioritária, Tavano entende que deve ser a criação do Plano Diretor do Turismo (PDT) que vai dar as diretrizes para fomentar o setor e a meta é que ele esteja aprovado até o meio deste ano. 

Essa é uma das obrigações para o município continuar recebendo verbas do Departamento de Apoio ao Desenvolvimento das Estâncias e permanecer como Estância Turística. “Contamos com o apoio de todo mundo para decidir que tipo de turismo queremos para a cidade”.

Traçar o perfil do turista que visita Caraguá é um dos objetivos do PDT e, conforme o presidente do Comtur, esse trabalho até foi iniciado em anos anteriores, mas ainda é muito embrionário, por isso, a estimativa é que comece a ser feito, agora até a sua conclusão, logo após o carnaval, no final de fevereiro.

“Com esses dados em mãos, será mais fácil traçar o perfil daqueles que nos procuram, o que eles buscam, o que podemos oferecer e melhorar”.

Outro ponto fundamental, na avaliação do Comtur, é a implantação do Receptivo Turístico, que terá por objetivo reunir todas as informações que o turista precisa saber sobre onde ir em Caraguatatuba. 

“Tem morador que não sabe onde fica o Parque Estadual de Caraguá. Se ele não sabe, imagine o turista que chega aqui e fica perdido”, compara Tavano. “Folhetos, folders, site atualizado são alguns instrumentos que precisam ser trabalhados, bem como a capacitação de funcionários e mesmo empresários do setor para que seu hóspede, cliente, saiba o que fazer até mesmo em um da mais chuvoso”, complementa.

Um ponto positivo, apontado pelo órgão é a implantação de um Centro de Informações Turísticas no Serramar Shopping, que já facilita para quem procurar mais detalhes sobre a cidade.

União
O presidente da Associação dos Quiosqueiros de Caraguá, Renato Lambiasi, destacou a participação dos empresários no diálogo com o poder público. “Há tempos não vejo o empresariado tão unido em uma reunião, inclusive com a presença do prefeito. O maior sonho, não só do Comtur, mas da cidade, talvez se concretize nesta gestão, que é a definição da identidade turística de Caraguatatuba. Isso trará uma avalanche de turistas”, analisa.   

Na avaliação do secretário de Turismo da cidade, Cristian Bota, essa parceria com o Comtur é saudável e de respeito, até porque o órgão é consultivo e deliberativo, não precisando do aval da prefeitura para definir o que quer fazer para o setor. 

“Tenho conversado todos os dias com o Rodrigo (Tavano) para fomentar e melhorar o nosso turismo. É preciso ouvir quem vive do e no turismo e fazer um planejamento estratégico para mais três anos e prestar contas de tudo que estamos fazendo”.

De acordo com o prefeito Aguilar Júnior, o planejamento estratégico do turismo era uma das propostas de campanha. “Hoje é um programa. Às vezes, a prefeitura faz diversas ações, mas nunca dá oportunidade para quem vive do turismo se manifestar. É importante que venham as sugestões. O objetivo é traçar um calendário de ações anuais e o quanto será gasto no período com essas iniciativas”.

Informações e sugestões para melhorias d turismo podem ser obtidas e enviadas pelo e-mail do Conselho Municipal de Turismo de Caraguatatuba: contur.caraguatatuba@gmail.com.

Compartilhe no Google+
    Comente com o Blogger
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário