São Sebastião e Ilhabela têm oficina gratuita sobre cinema de terror

As inscrições para o “Cine Terror", do MIS, já estão abertas com vagas limitadas


A oficina gratuita “Cine Terror”, ministrada por Christian Saghaard, está com as incrições abertas em São Sebastião e Ihabela. No arquipélago, as aulas acontecem na próxima quarta-feira(4), às 13h, na Biblioteca e Videoteca Prefeita Nilce Signorini, na Barra Velha. Já em São Sebastião, a atividade será na terça-feira (3), das 18h às 22h, no pátio da Escola Municipal Guiomar Aparecida da Conceição de Souza, ao lado do Ginásio de Esportes, em Boiçucanga.  

A intenção do projeto é que os participantes possam conhecer alguns exemplos do gênero, além de produzir um curta metragem de terror com base em suas próprias ideias ou contos da região. 
As gravações acontecem com câmeras digitais, manuseadas pelos próprios participantes, que também dirigem e podem atuar nas cenas. A primeira edição do filme é realizada e exibida no próprio local. O filme é finalizado e enviado para os participantes uma semana após a realização da oficina. O curso é voltado para crianças a partir de 7 anos e há 25 vagas.

O programa é uma iniciativa do Ponto MIS (Museu da Imagem e do Som) por meio da Secretaria de Estado da Cultura. O objetivo é apoiar a difusão cultural e incentivar a formação de público, contribuindo com a capacitação audiovisual e promovendo o acesso ao cinema. 

Christian Saghaard

Christian Saghaard é cineasta, fotógrafo e produtor de oficinas e mostras audiovisuais. Trabalha há 20 anos em festivais e projetos de exibição, fazendo curadorias e programações. Dirigiu seis filmes de curta-metragem e um longa metragem, O Fim da Picada, que ganhou prêmio de Melhor Filme no Festival de Cinema de Porto Alegre (Cine Esquema Novo) e na Mostra do Filme Livre, RJ (categoria de filmes com apoio estatal). Faz parte do Comitê de Seleção do Festival Internacional de Curtas Metragens de São Paulo desde 1997, onde também é o curador da Mostra Infanto-Juvenil. Idealizador, com Zita Carvalhosa, do projeto Oficinas Kinoforum de Realização Audiovisual. Programador e colaborador de mostras especiais do MAM-São Paulo. Já realizou diversas oficinas audiovisuais para festivais de cinema, ONGs e instituições culturais nacionais.


Compartilhe no Google+
    Comente com o Blogger
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário