Jovens recebem atendimento odontológico gratuito nesta quinta (28) em SS

Os jovens selecionados devem receber tratamento até os 18 anos e serão escolhidos no Dia Mundial do Sorriso
Jovens serão selecionados nesta quinsta-feira (28) (Foto: Divulgação)

Centenas de jovens de São Sebastião poderão ter atendimento odontológico gratuito nesta quinta-feira (28). Na data em que se comemora o Dia Mundial do Sorriso, o programa Dentista do Bem, da Oscip Turma do Bem, chega ao Litorl Norte e deve selecionar adolescentes de baixa renda, com idade entre 11 e 17 anos, que necessitam de tratamento odontológico.

O projeto é uma parceria entre a Oral-B e o programa Dentista do Bem e leva cuidados e atendimento ao sorriso de milhares de jovens em cerca 300 munícipios do Brasil, outros 10 países da América Latina e Portugal. A expectativa é que mais de 60 mil jovens sejam triados nesse dia.
No Brasil, segundo o Conselho Federal de Odontologia (CFO), 20 milhões de brasileiros nunca foram ao dentista e 68% não sabem que têm direito a tratamento odontológico público.

Em São Sebastião, o atendimento acontece na Escola Estadual Professora  Josepha de Santanna Neves, no Bairro da Topolândia, região central de São Sebastião, das 9h às 16h. Após a triagem e seleção, os dentistas voluntários devem atender as crianças e os adolescentes até eles completarem 18 anos, em seus próprios consultórios. Curativo, preventivo e educativo, o tratamento é totalmente gratuito e completo, incluindo, se necessário, radiografias, ortodontia, próteses e implantes, por exemplo.

A triagem

Para fazer a triagem, o dentista voluntário realiza um exame visual da condição bucal de cada jovem e preenche uma ficha com dados sobre a saúde bucal e a condição socioeconômica da família. Após a triagem, é elaborado um dossiê de cada criança e adolescente com a ficha de avaliação, uma cópia do comprovante de residência e a autorização dos pais ou responsáveis para que o tratamento seja realizado.

A seleção é feita por meio da aplicação de um índice de prioridade, que beneficia as crianças e os adolescentes mais pobres, com problemas bucais mais graves e os mais velhos, que estão mais próximos do primeiro emprego. Cada selecionado recebe uma carta com o nome e o endereço do dentista voluntário que será responsável pelo seu tratamento; para facilitar o acesso, a TdB encaminha o beneficiário para o consultório mais próximo da sua residência.

Compartilhe no Google+
    Comente com o Blogger
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário