CURTAS: Felipe Augusto e Luizinho Faria podem se aliar em São Sebastião

Estratégia I
A movimentação política continua a todo vapor no Litoral Norte, com vistas às eleições 2016. A última informação é de que os pré-candidatos a prefeito de São Sebastião, Felipe Augusto e Luiz Alberto de Faria, o Luizinho, estariam avaliando a possibilidade de se unir. E isso seria uma estratégia dos seus mentores, Antonio Carlos da Silva, prefeito de Caraguá, e Toninho Colucci, prefeito de Ilhabela.

Estratégia II
O possível acordo seria o seguinte: Antonio Carlos apoiaria Colucci nas eleições em 2018, quando o prefeito de Ilhabela deve sair candidato a deputado. Há, inclusive, a possibilidade de ele fazer dobradinha com Antônio Carlos da Silva Júnior, atual vice-prefeito e secretário de Governo.

Estratégia III
Por outro lado, Júnior deve sair sim candidato a vereador no ano que vem e, se eleito, passaria ser um dos principais nomes para presidir a Câmara de Caraguá. Só falta combinar isso com os futuros eleitos do Legislativo.

Preferido
E por falar em Junior, ele não pode concorrer a prefeitura, mas, se depender dele, o nome a ser apoiado por seu pai, Antonio Carlos da Silva, será de Gilson Mendes, atual secretário de Obras. Aliás, ele exerce este cargo desde a primeira gestão de Antonio Carlos, e foi um dos poucos a não ser mexido pelo prefeito de Caraguá.

No páreo
Por fora, há outros nomes que procuram o apoio de Antonio Carlos para o cargo de prefeito da capital do Litoral Norte. Na lista, Sergio Braz (Serviços Públicos), Neto Bota (vereador e ex-presidente da Câmara) e até o médico Marcelo Ugatti. Promete ser acirrada a busca pelo apoio. Sem contar que há pelo menos outros cinco pré-candidatos de outros partidos que já manifestaram interesse. Vamos aguardar os próximos movimentos.

Mentira
O boato político da semana em São Sebastião seria que o folclórico João Amorim (PSOL) assumiria a vaga de secretário-adjunto ou até secretário titular da Secretaria de Esportes do município. Rapidamente, os homens fortes do prefeito Ernane Primazzi (PSC) desmentiram a notícia. E mais: afirmaram que isso teria sido plantado pelo próprio Amorim a fim de conseguir uma “boquinha”.

Vice
Ainda em São Sebastião, o partido Solidariedade, hoje presidido pelo vereador Simei da Silva Ferreira, estaria perto de fechar um apoio ao pré-candidato a prefeito Felipe Augusto (PSDB). Mas isso só seria efetivado se o vice na chapa em 2016 for Ercílio de Souza, vereador com base na Costa Sul.

Saída?
Em Ubatuba, a notícia da vez é a possibilidade de o prefeito Maurício Moromizato deixar o Partido dos Trabalhadores. Mesmo defensor assíduo da legenda, ele estaria chateado pelo fato de o governo federal não liberar recursos vultuosos para a cidade, já que via Governo do Estado seu trabalho seria mais árduo para conseguir verbas.

Palavra dada
O presidente do diretório do PR, Emerson Elias, entrou em contato com o Nova Imprensa para dizer que está junto com Felipe Augusto, pré-candidato a prefeito de São Sebastião e não com o grupo de Ernane Primazzi.  Elias destaca que a expectativa com o Felipe Augusto é das melhores, já que o partido deve participar da eleição majoritária nas quatro cidades. E tem mais, o partido disputará no grupo a vaga de vice. “No PR, palavra dada é palavra cumprida”, afirma o presidente.


Compartilhe no Google+
    Comente com o Blogger
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário