Obra do Contorno danifica rua e moradores querem barrar caminhões da Queiroz Galvão

Veículos que passam pela via quebraram uma adutora e calçadas
Reunião desta quarta-feira, 24 (Foto: Divulgação)

Por Mara Cirino

Moradores da Rua Antônio Evaristo dos Santos, no bairro São Francisco, região central de São Sebastião, se reuniram na noite desta quarta-feira (24) para discutir um problema que afeta a comunidade desde maio deste ano. O constante tráfego de veículos pesados pela via em direção às obras do Contorno Sul estariam danificam a via pública e o calçamento.

De acordo com os moradores, a Queiroz Galvão descumpre a promessa de repavimentação e inicia trânsito de caminhões pesados na rua Antônio Evaristo dos Santos com taxa de circulação muito acima da média.

Agora, os prejudicados - cerca de 50 famílias - estão dispostos a impedir que caminhões continuem a passar pela rua enquanto a Construtora Queiroz Galvão não se comprometer a refazer o pavimento e consertar os estragos.

Rua danificada (Foto: Divulgação)
Durante a reunião, os moradores foram informados que serão recebidos na tarde desta quinta-feira (25) pelo secretário de Habitação, Roberto Alves dos Santos, o Massa, para que ele intervenha junto à Queiroz e à empresa Desenvolvimento Rodoviário S/A (Dersa), responsável pelo gerenciamento da obra.

Em comunicado, a construtora afirma que a via seria interditada, parcialmente, a partir do dia 18 de maio deste ano, no período das 8h às 17h, durante dois meses, para recuperação do pavimento, com as interdições a cada 50 metros.  

“Já no primeiro dia da passagem dos caminhões, arrebenta a adutora da Sabesp, sem contar que um caminhão quase causa acidente grave. Estamos revoltados com a conduta leviana da construtora  e vamos interditar a via com barricadas até a presença das autoridades competentes”, disse um dos moradores no encontro.

Em nota, a assessoria de imprensa da Queiroz Galvão informou que utiliza apenas os caminhos de acesso que estão aprovados pelas autoridades competentes. Com relação ao incidente acontecido na terça-feira (23), na Rua Antônio Evaristo dos Santos, explicou que, por conta de uma manobra, um dos caminhões usados no empreendimento danificou minimamente a calçada e a rede de água da via.

Ainda segundo a assessoria, representantes da empresa já estiveram no local para verificar os danos e analisar as medidas a serem adotadas. “O abastecimento de água foi restabelecido no mesmo dia da ocorrência”, informa a nota.

Também, conforme a construtora, ficou acertado com o dono da casa, a realização de reparo na calçada, que já estaria sendo providenciado. “A Queiroz Galvão ressalta ainda que rotineiramente sua equipe de relacionamento visita as frentes de trabalho em andamento para manter contato com as comunidades”, conclui a nota.
Compartilhe no Google+
    Comente com o Blogger
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário